Katy Perry Vs Britney Spears

IMG_7767.JPG
Ontem teve o VMA e todo mundo parou para examinar os looks das estrelas. Mas um em especial chamou muita atenção!
Riff Raff e Katy Perry fizeram a releitura de um dos piores looks da história do VMA: o total jeans de Britney Spears e Justin Timberlake, que todo mundo já deve ter visto pelo menos 1 vez.
Tem gente que amou a ideia, tem gente que achou tão ruim quanto a versão original. Como a Katy é conhecida pelas suas fantasias e visuais estranhos eu acho que passa. Se fosse qualquer outra celebridade o look iria mais uma vez para a lista dos piores!

Do Outro Lado Do Continente

Como muitos sabem, eu tirei um semestre sabático para aperfeiçoar meu inglês. Traduzindo para o que realmente está acontecendo: vou passar 3 meses em Boston!

IMG_1054.JPG
A casa onde estou fica na praia, com mais ou menos 30 minutos de distância da parte central de Boston. É um lugar tão interessante. As casas são todas com cara de casa de praia americana dos anos 60, parece que a região inteira parou no tempo.

IMG_1056.JPG
A casa em si é meio fabricada, com pedras colocadas debaixo da areia para afastar o mar, mas é tão agradável quanto qualquer praia. Não tem nada mais relaxante do que cheiro e barulho de mar.
As pessoas são de todos os cantos do mundo (apesar de não ter conhecido nenhum brasileiro até agora).

IMG_1060.JPG
E o verão… Bem o verão é lindo como sempre é: céu azul, gente animada e barulho na rua.

IMG_1055.JPG
Então esse é só um alô aqui do outro lado do continente – avisando vocês que os meus posts serão um tanto quanto diferentes nos próximos meses e provavelmente não tão frequentes. Mas estarei aqui, com várias informações, quem sabe algumas dicas e certamente muitas curiosidades sobre minhas aventuras americanas.
Beijos, Mari Lemos.

REIGN: A SÉRIE DO MOMENTO!

Hey meninas, hoje vou falar de uma série que estou amando: Reign! Já assistiram?
Reign é uma série de televisão de ficção que conta a história de Mary Stuart, Rainha da Escócia e seu caminho até o poder, iniciando com sua chegada à França ainda na adolescência e seu noivado com o Príncipe Francis. Acompanhada de suas quatro melhores amigas, Mary precisa sobreviver às intrigas, inimigos e forças obscuras que tomam conta da corte francesa. O show é baseado na verdadeira história de Mary, que foi rainha da escócia de 14 de Dezembro de 1542 a 24 de Julho de 1567; e do seu período na França com o Príncipe Francis. Onde os dois se casam e Francis morre pouco tempo depois. Além da história ser fantástica estou B-A-B-A-N-D-O pelos figurinos gente!!!! A stylist Meredith Pollack (a mesma de Gossip Girl) fez questão de somar um pouco de modernidade aos looks, inspirando-se nos desfiles atuais de Dolce & Gabbana e Alexander McQueen, por exemplo. Dizem que o seriado está sendo apresentado como uma mistura de Gossip Girl e Game of Thrones. Com absoluta certeza os adornos delicados para os cabelos serão a nova moda de 2014 devido ao seriado. Confiram as fotos:

2content_picpost1reign2reign4reign7-1reign-tv-series-wallpaper

A Serie foi adquirida pela MTV (Brasil) e será exibida em setembro de 2014 com exclusividade e provavelmente dublada, porém para os que como eu não aguentam esperar assista no site: http://www.seriesvideobb.com/
Beijão, Mariana Segalla

Aventuras Culinárias – Baked Zucchinni Fries

Ultimamente eu tenho entrado em vários blogs e visto essa receita. É um tal de “vida saudável” que virou moda e inspirou vários pratos diferentes, como trocar a batata frita por abobrinha assada. E confesso que tendências mexem comigo! Quanto mais eu vi, mais sentia vontade de fazer, tanto que ontem , depois de olhar minha geladeira e vi que tinha todos os ingredientes necessários, decidi botar a mão na massa. 

Para fazer, assisti muitos vídeos e adaptei a receita para o que eu achava melhor. Você também pode adaptar, mas ficou tão gostoso que eu aconselho que experimente fazer pelo menos uma vez. 

IMG_1042

Ingredientes: 

  • 2 abobrinhas pequenas
  • um pouco de farinha de trigo (não ser exatamente quanto usei, não mais de 1 xícara)
  • farinha de rosca (na verdade eu bati um pão francês no processador de alimentos, o que deu muito certo, já que os pedaços que ficaram maiores ficaram super crocantes depois de assados). 
  • 1 ovo
  • orégano 
  • temperos a gosto (eu usei pimenta do reino, açafrão, manjericão seco e sal)
  • (no final eu ainda joguei um pouco de parmesão e pimenta calabresa)

Para o molho: 

  • ketchup
  • maionese
  • mostarda (eu usei uma com mel, achei que o doce deu um toque especial)

IMG_1043 IMG_1044

Primeiro eu preparei as farinhas: na de trigo eu coloquei os temperos em pó e na de pão o orégano). IMG_1045Depois cortei a abobrinha em palitinhos. Agora é a hora que eu aconselho você que como eu é perfeccionista a não fazer a receita. Porque, na minha experiencia, foi fácil cortar em pedaços pequenos e finos que, no final, foram perfeitos para comer, mas durante foram um saco para “enfarinhar“. IMG_1046

Aí você abre o ovo e bate só para ele ficar homogêneo. Ele é a colinha que vai manter os pedacinhos de pão grudados. IMG_1047

A técnica é a mesma de empanar: primeiro na farinha de trigo, você cobre bem o palitinho de abobrinha. Depois passa no ovo e por fim passa na farinha de rosca. A minha dica de experiência própria é não usar toda a farinha de pão de primeira, já que o ovo vai molhando e a farinha vai deixando de ser farinha e virando massa. Se quiser guardar metade para quando a outra metade tiver ensopada, é uma boa. IMG_1048 IMG_1049

Coloque na forma e deixa assar no forno a 220ºC por 15 minutos, ou até ficar douradinho e crocante. Como eu já falei, foi nessa hora que joguei um pouco de parmesão e pimenta calabresa e – sinceramente- acho que super valeu a pena. IMG_1050

O molho é simplesmente misturar a maionese, a mostarda e o ketchup até ficar do seu gosto. Eu coloquei bem mais maionese e bem menos mostarda. IMG_1051Por fim é só aproveitar. Eu juro que AMEI o resultado. Se você tentar, manda foto pra gente? 

Essa tal de jaqueta no ombro

As fashionistas estão sempre criando moda. Sempre surgem tendências novas que viram febre e os blogs, o tumblr e o instagram ficam transbordando. Você pode pensar na orelhinha de gatinho, nas tiaras de flores, nas camisetas estampadas com donnuts ou hamburguês e em um número de outras tendências no mínimo estranhas, mas a que anda me irritando não é nenhuma dessas. É a jaqueta no ombro. 

1..2.      1t

Se a pessoa quer andar de cabelo colorido e orelha de gato, ela acha isso bonito e, sinceramente, gosto é gosto (minha mãe acha a coisa mais absurda, mas eu devo confessar que até gosto). O meu problema é com uma coisa que atrapalha a sua vida. 

1........

Porque, vamos ser sinceros? Como que andar com o casaco, sem colocar o braco no lugar que foi construído para proteger seu braço do frio, faz algum sentido? Serio mesmo, como que pode virar moda andar equilibrando o casaco nas costas quando ele foi feito para abrigar seus braços? 

1

E aí, alguns meses atrás, eu escuto uma blogueira – acho que foi a Camila Coutinho – explicando que ela faz isso porque dá muito trabalho colocar e tirar o casaco quando você entra em algum lugar. Desculpa, mas dá muito mais trabalho segurar o filho e equilibrar o casaco ao mesmo tempo. 

1......

1....

São tendências que não fazem sentido que me irritam e, tá, eu vou falar que o casaco no ombro realmente dá um look editorial na foto, mas precisa andar na rua assim? Se quer tirar a foto do Instagram assim, eu super entendo, mas precisa transformar essa tendência em street style? 

1..

#desabafos :D 

1...

As grandes marcas e suas … filhas?

É mais do que natural termos nossas marcas favoritas. Com o tempo você começa a entender que a qualidade daquela marca é muito boa, ou que o estilo dessa combina muito com a sua vida, ou mesmo que o custo benefício daquela outra não tem comparação. E aí você cria a rotina de entrar naquela loja toda vez que tenha a mais leve intenção de – talvez, quem sabe – comprar alguma coisa.111
Tão normal quanto é não sentir atração por outra marca. Por exemplo: sempre que eu passo na frente da Le Lis Branc eu vejo uma marca sofisticada, com muita qualidade e roupas lindas. Se eu vir alguém na rua vestida inteira de Le Lis Blanc, provavelmente vou achá-la extremamente bem vestida. Mas sempre que eu entro na loja, nunca acho alguma coisa que me de vontade de comprar. É estranho como devemos culpar tudo isso no estilo que adotamos. Algumas lojas como um todo não combinam comigo.

07_MHG_rio_escola_realengo
Agora, obviamente eu não fui a unica que percebeu isso. Algum marqueteiro muito bem pago também percebeu que essas lojas enormes e que ganham rios de dinheiro podiam ganhar ainda mais se me convencessem a comprar nela. Mas como me convencer sem perder a cliente antiga? Talvez se fizesse uma outra sessão, com roupas de outro estilo? Talvez se eles variassem mais os estilistas? E se eles fizessem uma nova loja? Eles usariam a mesma fabrica, os mesmos recursos, abririam uma nova marca, com um novo nome, novo cheiro, novo estilista e – o que é melhor – um novo público!
É o que muitas marcas fazem.

1t
A Le Lis Blanc, por exemplo, é dos mesmos donos que a John John e a BoBô – todas com estilos extremamente diferentes. A Ellus, marca grande e consagrada, teve uma filhinha com estilo bem mais jovens chamada de 2nd Floor. A Animale tem um bebezinho com roupas que – segundo a vendedora da loja – são bem mais dia-a-dia chamada de FYI e a Reserva, marca masculina de renome, criou a Eva, que vende roupas femininas (e lindas por sinal! a loja em Ipanema é L.I.N.D.A).

1
Esses são só alguns exemplos de marcas que procuram alcançar novos públicos criando novas marcas. Então, se a curiosidade é uma de suas características, a próxima vez que você entrar em uma loja nova, que nunca viu antes, pergunte “de onde é essa marca?”, pode ser que a resposta seja uma de suas lojas favoritas. Ou uma das que você não suporta – só para deixar as coisas mais interessantes.

Comprando Online!!

Se tem uma coisa que todo brasileiro ama reclamar são os altos preços de tudo. Culpe os impostos, culpe os comerciantes – que gostam de exagerar a margem de lucro – todo mundo sabe que preços abusivos são normais. E aí a gente faz o que pode, como ir até o Paraguai/Argentina fazer umas comprinhas de vez em quando ou aproveitar nossas viagens internacionais e trazer bem mais do que precisamos. Mas ultimamente eu tenho ouvido muita gente mencionando compras online.

111111.........
A primeira vez que eu ouvi alguém do mundo real falando em comprar roupas online foi uma menina que estava usando um óculos lindo, que eu obviamente elogiei. A conversa foi mais ou menos assim:

— Que lindo seu óculos! Onde você comprou?

— No Ebay!!

— Serio?

Eu achava ridícula a ideia de comprar coisas sem experimentar. E se não ficasse bom? Além disso pensa em todos os riscos! Eu definitivamente já tinha visto notícias o suficiente de gente que colocava os dados do cartão em algum site e tinha sua conta esvaziada. Mas a curiosidade bateu mais forte e eu acabei entrando no ebay. Eu acabei fazendo uma conta no PayPal (que – depois de algumas pesquisas – parecia seguro o suficiente) e acabei pedindo 2 óculos. Nem um dos dois custou mais que R$ 10,00 – era uma pechincha!

18
Quando eles chegaram – verdade seja dita, quase 2 meses depois – eu surtei. Eles eram lindos, perfeitos e com mais qualidade do que muitos óculos vendidos aqui por muito mais dinheiro. E assim surgiu uma paixão.

Agora eu tenho algumas regras.

1. Eu nunca compro nada que eu realmente precise. Os produtos que eu costumo comprar vem de algum lugar do outro lado do mundo, então eu preciso de paciência.

1........
2. Eu nunca compro nada extremamente caro. Chame precaução, mas eu sinto que se algo não chegar eu vou me sentir bem melhor de não ter perdido muito dinheiro. Mesma coisa no caso de a qualidade não ser a melhor. Se você comprou um vestido por R$ 15 e ele tem um fio solto, é quase que esperado. Se você gastou R$ 50, pode ser mais decepcionante.1...........
3. Eu só compro em sites confiáveis – sites grandes, que ganham dinheiro pela quantidade de venda que fazem e que não correriam o risco de sujar sua reputação em fazer esquemas. No caso Ebay, preste atenção no vendedor. Não custa nada gastar algum tempo lendo as opiniões. As vezes elas ajudam até a entender a qualidade do produto. 1..
226441_200489106654363_149421121761162_451044_4963275_n

Seja como for, compre no Ebay, no AliExpress ou em alguma loja online que a sua amiga recomendou, eu sugiro que se divirta. O mundo das compras online é relativamente novo e agora é hora de explorá-lo. Quem sabe um dia não iremos mais frequentar as lojas físicas, quem sabe tudo vai ser pela internet?